Mapa do Site
Contactos
Siga-nos no Facebook Siga-nos no Twitter Canal YouTube Siga-nos no Google+
5 março 2010

A sonda Mars Express, da Agência Espacial Europeia (ESA), efectuou na passada quarta-feira a maior aproximação de sempre a Fobos, a maior lua de Marte, passando a apenas 67 km da superfície.

A passagem de ontem permitiu as mais precisas medições da gravidade desta pequena Lua, dados que irão agora ser analisados para melhor compreender a estrutura desta lua.

De missões anteriores, sabe-se que Fobos é bastante poroso o que indica, segundo Martin Pätzold (Universidade Koln, Colónia - Alemanha, investigador principal do instrumento Mars Radio Science) que "Fobos é provavelmente um objecto de segunda geração".

Isto também significa que, conforme se vai aproximando cada vez mais da superfície de Marte, eventualmente começará a desfazer-se. Segundo Pätzold "formou-se de detritos, e voltará a ser detritos".

A Mars Express fará ainda mais 10 passagens por Fobos durante este mês.

Todas as novidades da Mars Express podem ser seguidas no Blog da missão.

Notas:
Objectos de segunda geração são aqueles que se formaram depois dos planetas, em vez de se formarem ao mesmo tempo, e da mesma nuvem de material que deu origem aos planetas. Um exemplo de uma lua de segunda geração é Amalteia (lua de Júpiter).

Mais Informações:
Comunicado de imprensa ESA

1. Imagem de parte da superfície de Fobos, obtida numa das aproximações anteriores. (ESA/ DLR/ FU Berlin, G. Neukum) 2. Projecção de toda a superfície de Fobos. (ESA/ DLR, S. Semm, M. Wählisch, K.Willner/ FU Berlin, G. Neukum)