Mapa do Site
Contactos
Siga-nos no Facebook Siga-nos no Twitter Canal YouTube Siga-nos no Google+
18 novembro 2009

A chuva de estrelas das Leónidas deste ano teve o seu máximo a 17 de Novembro. As previsões dos astrónomos apontam para uma chuva de intensidade média, mas com uma intensidade superior na região da Ásia. Como a Lua está Nova, há uma maior probabilidade de vermos bonitas estrelas cadentes a cruzar os céus, esta poderá ser uma das melhores Leónidas dos últimos anos.

"Nas Américas prevemos 20 a 30 meteoros por hora, mas entre 200 a 300 meteoros por hora na Ásia.", afirma Bill Cooke da NASA. "A nossa previsão está de acordo com outros resultados de trabalhos teóricos independentes desenvolvidos por outros astrónomos."

As Leónidas são pedaços de poeiras e rochas do cometa 55P/Tempel-Tuttle. A cada 33 anos este cometa visita o Sistema Solar interior deixando atrás de si um corredor de detritos. Muitos destes detritos acumularam-se na região da órbita que o nosso planeta visita todos os Novembros.

O radiante das Leónidas – região do céu de onde parecem surgir a maioria dos meteoros – é a constelação do Leão, daí o seu nome. Uma das características mais interessantes das Leónidas deste ano é que muito próximo de Leão, na constelação do Caranguejo, encontra-se o planeta Marte. Por isso temos aqui uma boa oportunidade para observar o planeta vermelho.

Para observar as Leónidas não é necessário usar binóculos ou telescópio. Basta um bom agasalho,  adaptar os olhos ao escuro durante uns 15 minutos e depois espreitar o céu com atenção. Até dia 21 de Novembro há Leónidas a passar pelo céu.

Também através do Twitter poderá acompanhar todos os desenvolvimentos das Leónidas por todo o mundo, bastará usar o hashtag #MeteorWatch.

Para mais informações consulte:
http://science.nasa.gov/headlines/y2009/10nov_leonids2009.htm
http://spaceweather.com
http://www.imo.net/calendar/2009#leo

1. Uma Leónida de 2002 ao amanhecer, fotografia por Simon Filiatrault. 2. Leónida de 2009, fotografada a 16 de Novembro em Grafton Ontário, Canadá